Google+ Followers

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Setter Irlandês


Origem
O setter irlandês tem uma longa história. São exímios caçadores de aves e muito inteligentes. O setter irlandês é um excelente companheiro, dócil e muito leal ao seu dono. A raça evoluiu para se tornar um cão robusto e saudável, com grande resistência para o trabalho e a caça. Adora correr e nadar.

Aparência
É um cão de porte grande, com pelagem comprida e macia. No tronco e membros, o pelo tem comprimento médio e liso. Nas orelhas e nas partes traseiras das pernas, é longo e sedoso. A cor é castanha-avermelhada, sem traços de preto. Em alguns exemplares pode ocorrer pelagem branca no peito e nas patas, em forma de estrela na testa ou uma listra estreita no focinho. Os machos medem de 58 a 67 cm. As fêmeas são um pouco menores.

Saúde
O setter irlandês é normalmente saudável, porém com tendências a doenças genéticas. As principais ocorrências são problemas gástricos, displasia coxo-femural, atrofia progressiva da retina, epilepsia, hipotiroidismo, osteossarcoma, artrite e mielopatia. Portanto, todo cuidado é pouco e visitas regulares ao veterinário, altamente recomendáveis.


Curiosidades
Como o próprio nome diz, a raça foi desenvolvida na Irlanda com o cruzamento entre o setter irlandês ruivo e o branco, além da participação de outro cão de origem desconhecida. No século XVIII a raça já estava definida e o primeiro padrão foi oficialmente emitido em 1886. Em 1882 foi fundado o “Irish Red Setter Club” para promover a raça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário